quarta-feira, 29 de junho de 2011

Juiz ordena que Senado e União cortem supersalários

A Justiça Federal determinou que a União e o Senado cortem os supersalários pagos a servidores públicos, informa reportagem de Andreza Matais e Nádia Guerlenda Cabral, publicada na Folha desta quarta-feira (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).



Governador por 10 dias terá que devolver superpensão no MT

Justiça de Minas suspende pensão de quatro ex-governadores



O juiz Alaôr Piacini, do Distrito Federal, aceitou os argumentos do Ministério Público, que considera inconstitucional a exclusão de algumas verbas do cálculo do teto de R$ 26,7 mil do funcionalismo (valor do salário de um ministro do STF), conforme revelou

a Folha no último dia 11 de maio.



Todos os órgãos públicos são obrigados por lei a cortar os salários que ultrapassam o dos ministros do STF, mas cada Poder adota um critério para definir quais vantagens e adicionais podem ser excluídos do cálculo do teto.

DE SÃO PAULO




http://www1.folha.uol.com.br/poder/936246-juiz-ordena-que-senado-e-uniao-cortem-supersalarios.shtml

Editoria de Arte/Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário